Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Opinião | Joel Leite |

Ver todas as opiniões
Joel Leite

Hyundai passa a Volks e é a 3ª marca mais vendida

HB20 vendeu o mesmo que Gol, Fox, Saveiro, Up e Voyage juntos

A Hyundai está dando mais um passo importante no mercado brasileiro. Depois de deixar a Ford para trás, a marca registra mais um feito inédito, passando a Volkswagen e alcançando o terceiro lugar no ranking de vendas no mercado interno, conforme dados de licenciamentos registrados até a segunda-feira, 13.

A Hyundai vendeu até ontem 7.178 unidades, ficando com 11,4% de participação, enquanto a Volkswagen obteve 10,5%, com 6.593 carros. Depois de permanecer muito tempo na sexta colocação, atrás das quatro marcas tradicionais (Fiat, Volks, GM e Ford) e também da Renault, a Hyundai acelerou as vendas quando a fábrica de Piracicaba “pegou no breu”: passou a Renault, conquistando a liderança entre as novas; neste ano passou a Ford, quebrando o paradigma das “quatro grandes” e agora poderá fechar junho na terceira posição, atrás apenas da GM e da Fiat.

Com o HB20 em segundo lugar e o HB20S pela primeira vez entre os dez modelos mais vendidos, a Hyundai soma 5.752 unidades nesses primeiros nove dias úteis do mês. Esse número é praticamente igual à soma dos cinco carros mais vendidos da concorrente: Gol, Fox, Up, Saveiro e Voyage somam, juntos, 5,8 mil unidades no período.

As vendas da Caoa, que reúnem os importados e modelos fabricados pela empresa em Anápolis, somam 1.426 unidades até esta segunda-feira, totalizando 7.178 para a coreana, contra as 6.593 da Volks.



Este artigo foi publicado originalmente na Agência Autoinforme
joelleite@autoinforme.com.br

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

AB Inteligência