Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

ABTV

Ver todos os vídeos

WebTV | 16/02/2016 | 00h00

Personalidades Automotivas com Ana Theresa Borsari

Desde outubro de 2015, Ana Theresa Borsari é a primeira brasileira na direção geral da Peugeot no Brasil desde que a marca iniciou suas operações no País, em 1991. O ineditismo é tanto de nacionalidade quanto de gênero, pois nunca antes uma mulher esteve no comando da empresa aqui.
Ana Theresa tem uma bem-sucedida carreira na Peugeot, que ajudou a fundar no mercado brasileiro, quando assumiu a coordenação de atendimento aos clientes da marca, em 1995. Advogada, 44 anos, a executiva passou por vários postos na operação brasileira até 2010, quando deixou o cargo de diretora de marketing para iniciar sua trajetória internacional. Ela foi responsável pela coordenação comercial da Peugeot no sul da Europa e também a primeira mulher a comandar uma unidade do Grupo PSA no mundo, quando foi diretora geral das marcas Peugeot e Citroën na Eslovênia. Desde 2013, dirigia a Peugeot no sudoeste da França, região com mais de 150 concessionárias, até ser convidada para regressar ao Brasil.

Veja também

WebTV | 06/08/2018 - 17h00

Webinar: Série Conversas com Presidentes - Philipp Schiemer | Mercedes-Benz

Philipp Schiemer chegou ao Brasil para comandar a Mercedes-Benz em 2013, no momento em que o mercado de veículos começou a adernar. Ao assumir o comando da maior fabricante de veículos comerciais pesados do Hemisfério Sul, precisou navegar em águas turbulentas, em meio à mais aguda e continuada crise econômica que afundou as vendas de caminhões e ônibus e fez o nível de ociosidade das fábricas saltar a 80% em 2016 e 2017. Mas Schiemer conseguiu pilotar o barco com paciência e investimentos. Sob a gestão do executivo alemão, em 2016 a Mercedes completou 60 anos no Brasil, anunciou investimentos de R$ 730 milhões para reestruturar as operações industriais, ampliou a liderança da marca no mercado nacional de caminhões, dobrou as exportações, reduziu a mão de obra ociosa na antiga planta de São Bernardo do Campo, inaugurou lá a primeira linha de indústria 4.0 para manufatura digital de caminhões da América Latina, abriu em Iracemápolis o mais moderno campo de provas para desenvolvimento de veículos comercias. E conseguiu aprovar um novo e vultoso ciclo de investimentos da companhia no Brasil, de R$ 2,4 bilhões no período 2018-2022. No meio do caminho, Schiemer também a inaugurou a fábrica de automóveis da Mercedes-Benz em Iracemápolis (SP), ao custo de R$ 600 milhões. Para falar dessa intensa jornada até aqui e dos rumos dos próximos anos, analisar o mercado brasileiro já sob os efeitos do recém-aprovado programa Rota 2030, Schiemer será o segundo entrevistado da série de Automotive Business “Conversas com Presidentes”, em mais um webinar ao vivo mediado pelo jornalista Pedro Kutney, editor do Portal AB, em que os espectadores também poderão enviar perguntas ao executivo.

AB Inteligência